App Store (finalmente) disponível para Angola.

>> sábado, julho 23, 2011

angolastore

São raros os dias, em que temos essa imagem: Apple + Angola

 

A Apple ( do nosso famoso tio Jobs), a nossa querida companhia de Cuppertino, uma das empresas mais valiosas do Mundo (só atrás da Exxo mobil) vai trazer a sua App store (Loja de aplicativos, numa tradução livre…) para mais países, incluíndo Angola ( sim, você leu direito), aqui aonde as coisas acontecem em “slowmotion”, teremos acesso a app store.

 

O que isso significa para os users?

Poderemos agora comprar dentro da nossa app store. Antes tínhamos que usar outras app store para comprar, usar endereços falsos, usar gift cards etc, etc.

 

E para desenvolvedores?

Teremos um Mercado só nosso, que poderemos usar para apps direccionadas para o nosso país ( estou a ficar cansado de ver brasileiros ou portugueses em Luanda a perguntarem-me sobre apps para Angola). Agora teremos está oportunidade.

 

Mas… Com isso vêm também todos os outros desenvolvedores que já existem que poderão vender também na nossa app store ou criar aplicações direcionadas ao nosso mercado.

 

Perguntas que ainda estão no ar…

 

Qual será a moeda de compra? Kwanza ou dólar?

Forma de pagamento? Visa ou os nossos cartões normais dos bancos angolanos?

Gostaria de saber quem alinhou-se a Apple nesta (Movicel, Unitel ou algum banco?).

Mas é isso aí, teremos iPhone 5 em Angola, iOS5 e possivelmente a marca Apple irá crescer por cá.

Estamos atentos a algum pronunciamento em Angola, sobre o assunto…

 

Obrigado ao Jkilla pela dica sobre a notícia.

 

*Finalmente Um post elaborado por Nuno Marques , o nosso especialista Apple. Mais posts virão, espero…

 

[Créditos da Imagem]: Blog do iPhone

blog comments powered by Disqus

Enviar um comentário

Liberdade de uso de Tags HTML e Links
para Negrito (Ex: Novos Horizontes
para Links (Ex: <a href="http://ultracognitivo.com>Novos Horizontes</a>

Divirtam-se.

Adquira o seu domínio.

Seguidores

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2011

Voltar ao TOPO