Revolução na Electrónica, transistores atingem a frequência de 100GHz

>> segunda-feira, fevereiro 08, 2010

 

transt No mundo da “nanotecnologia” há apenas uma questão: qual é o limite físico para os componentes?

Actualmente os materiais mais usados para o fabrico de dispositivos (diodos, transistores…) têm sido o Silício e o Germânio. Esses materiais têm limitações quanto a velocidade, potência, frequência…

Os pesquisadores da IBM podem ter resolvido parcialmente este problema com a descoberta/aplicação de um novo tipo de material, o Grafeno.

A vantagem principal desse componente é a sua mobilidade electrónica, 100 vezes maior que a mobilidade do Silício. Com isso podemos atingir até frequências de 100 GHz (absolutamente fantástico!)

A única desvantagem encontrada até agora é no tamanho, uma vez que com o Silício podemos atingir 32nm e com o Grafeno o tamanho mínimo até agora foi de 240 nm, ainda assim números muito interessantes para o futuro.

Vejam mais detalhes sobre este tipo de semicondutor no artigo feito pelo pessoal do ArsTechnica

blog comments powered by Disqus

Enviar um comentário

Liberdade de uso de Tags HTML e Links
para Negrito (Ex: Novos Horizontes
para Links (Ex: <a href="http://ultracognitivo.com>Novos Horizontes</a>

Divirtam-se.

Adquira o seu domínio.

Seguidores

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2011

Voltar ao TOPO